Valor médio do m² no Brasil tem valorização abaixo da inflação em novembro

construction-287868_1920-819x311

Apenas 7 cidades tiveram valorização real do m² para aluguel no período

Em novembro, o valor médio do m² para aluguel teve valorização de 0,9%, a segunda valorização consecutiva dos últimos seis meses. No entanto, abaixo do índice de inflação acumulada no período – IGP-M de 1,52%. Os dados são baseados no índice DMI-VivaReal, com análises referentes a indicadores do setor imobiliário em 30 cidades brasileiras.

Quando analisamos as cidades, apenas 7 apresentaram valorização acima da inflação. Porto Alegre (+4,2%) teve a maior variação do período, seguida por São Caetano do Sul (+3,8%), Natal (+3,6%), Santo André (+3,1%), Brasília (+2,5%), São Bernardo do Campo (+2,4%) e Guarulhos (+2,2%). Vitória (-3,3%), Vila Velha (-2,5%), Rio de Janeiro (-1,9%), João Pessoa (-1,9%) e São Paulo (-1,5%) foram as capitais com as maiores desvalorizações do período.

O valor médio anunciado do m² para aluguel no Brasil foi de R$ 26,42. São Paulo (R$ 36,25), Rio de Janeiro (R$ 36,17) e Brasília (R$ 31,67) são as cidades com os m² mais caros do país.

Valorização do m² para venda segue abaixo da inflação

Assim como em outubro, o valor médio do m² para venda no Brasil cresceu abaixo da inflação (+0,3%) – IPCA acumulado para o mês de novembro (0,87%). Entre as cidades analisadas somente Guarulhos (+1,9%), Brasília (+1,6%), João Pessoa (+1,4%) e Vila Velha (+ 1,0%) valorizaram acima da inflação.

Entre os mercados estudados Rio de Janeiro (-1,8%), Vitória (-1,2%), Osasco (-1,1%), Campinas (-1,0%) e Belo Horizonte (-0,8%) apresentaram as maiores desvalorizações no período.

O valor médio anunciado do m² para venda no Brasil foi de R$ 4.884. Brasília (R$ 7.971), Rio de Janeiro (R$ 7.077), São Paulo (R$ 6.947) e Recife (R$ 6.023) são as cidades com os m² mais caros do país.

Redação Sonho do Primeiro Imóvel

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *