Emater apoiará cooperativas e associações a acessar linhas de crédito do Estado

Lançado no sábado (7), no Governo Presente, Programa de Financiamento visa profissionalização das entidades de agricultura familiar

0f8ac9472291c09c339ca655760c961f_L
Estado objetiva fortalecer e dar maior competitividade de acesso aos agricultores familiares e seus produtos no mercado. Ascom/Emater

O Instituto de Inovação para o Desenvolvimento Rural Sustentável de Alagoas (Emater-AL) dará apoio técnico às cooperativas e associações de agricultores familiares da região Norte do Estado que participarão do Programa de Financiamento a Cooperativas e Associações Produtivas (Coopmais), lançado nesta sábado (7), pela Agência de Fomento de Alagoas (Desenvolve), durante o Governo Presente.

O objetivo do Coopmais é profissionalizar a gestão dos aglomerados de produção existentes e fomentar o investimento desses organismos no Estado para apoio aos negócios de pequeno porte, agricultura familiar e cooperativismo, além de promover a inclusão produtiva e as agroindústrias.

O gerente da Emater na região, Moisés Leandro, explica que o Instituto vai auxiliar as organizações com a elaboração de projetos para ter acesso às linhas de crédito da Desenvolve e, também, prestando serviços de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater) para os agricultores cooperados.

Segundo Moisés Leandro, seis cooperativas e associações já iniciaram o diálogo com a Emater para que sejam feitas as parcerias. Uma reunião com outras cooperativas da região está marcada para o dia 12 de maio, para que o número de parceiros seja ampliado.

“Quando o Governo do Estado, por meio da Desenvolve, coloca recurso para fortalecer a produção dos pequenos agricultores, e uma entidade também estadual tem a oportunidade de trabalhar com esse público para auxiliar nesse sentido, o Estado objetiva fortalecer e dar maior competitividade de acesso aos agricultores familiares e seus produtos no mercado. O Programa vai fazer isso, com a compra de maquinários e da agroindustrialização, agregando valor aos produtos beneficiados em Alagoas”, explica o gestor.

Ao todo, foram disponibilizados, pela Desenvolve, recursos na ordem de R$ 6 milhões, distribuídos em, no máximo, R$ 300 mil por cooperativa, com juros de 7,5% ao ano. O recurso pode ser utilizado na aquisição de sistemas de informatização, máquinas e equipamentos para ampliação da produção, pequenos automóveis e motocicletas, em apoio logístico e escoamento da produção, reformas e construção de pequenos armazéns e entrepostos de beneficiamento de alimentos, capital de giro, além de consultoria e treinamentos.

Vinícius Rocha – Agência Alagoas